Páginas

domingo, 17 de junho de 2012

Uma nova moradora...

                                  Mel, uma cachorrinha do barulho...
 Há uns três meses atrás, logo quando nos mudamos de casa, apareceram na nossa rua duas cadelinhas vira-latas abandonadas, a nossa vizinha pegou uma pra criar e a outra ficava vagando pela rua, eu confesso que nem passou pela minha cabeça pegar essa cachorrinha, pois minha casa e meu jardim estavam virados de ponta cabeça com tudo pra arrumar, mudança, não é mole não!
Mas logo que meu filho viu a figurinha, começou a insistir pra criar, ele não pode ver um animal na rua, que quer logo trazer pra casa, mas só depois de muito insistir, fui vencida pelo cansaço e deixei, e aí está.
Quando levamos ao veterinário e foram feitos os exames, ela estava com anemia profunda, doença do carrapato e grávida, tá bom? Então meu filho que acho, vai ser veterinário, cuidou direitinho dela e enquanto isso, ela foi conquistando todos de casa, com seu jeitinho maroto e doce, daí o nome de Mel.
Agora vamos falar um pouco de como a Mel encontrou o jardim: Tudo estava ficando bonitinho, organizado e se encaixando, e ficou tudo tranquilo, durante um mês e meio, só tínhamos elogios, que cachorrinha mais educada, aprende tudo que ensinamos, que linda! E por aí vai, mas, minha gente, quando foi se aproximando o dia dos filhotes nascerem, ela começou a cavar todo o jardim, quem ver?
Viu só? tivemos que colocar telhas pra barrar a buraqueira, e quanto mais ela cavava, mais eu sofria, rsrs, me disseram que depois que os filhotes nascessem, ela iria parar, pois bem, os filhotes nasceram, graças a Deus, só dois, mas a Mel é uma cavadora, diminuiu muito, mas de vez em quando tem umas recaídas.
Mel curtindo seus filhotinhos, uma mãe super carinhosa, ficou valente, não quer gente estranha por perto, principalmente o Tupã nosso gatinho, de 6 anos, que já estava se acostumando com a casa nova, agora a Mel não deixa nem ele entrar, a sorte é que ele fica no ateliê
Tupã e Mel, quando tudo era paz e amor, eles conviviam muito bem, será que ainda vão voltar a se entenderem? Tomara...
Esta já foi morar com uma família bem legal, um amigo do meu filho a levou pra criar, lá ela está super mimada, e adorando o novo lar, a outra ainda está esperando um dono, pois já tem 2 meses e a mãe não quer mais amamentar, dá uma peninha, mas não podemos ficar com todos, né?

Bom gente, espero que vocês também tenham se encantado com nossa doce Mel.
Abraços e fiquem com Deus